sexta-feira, 19 de junho de 2015

LIVRO- A Cabana - William P Young






Em um final de semana a família de Mack decide fazer uma viagem. Eles estavam acampando quando a filha mais nova de Mack é sequestrada.
Depois de muita procura, e nenhum sucesso, eles encontram apenas o vestidinho da menina. Jogado e ensanguentado no chão de uma cabana.
Os anos seguintes foram de grande tristeza. Tanto para Mack e sua esposa como para os seus outros dois filhos. Nada os fazia esquecer, ou melhorar. Principalmente a sua filha, que a cada dia que passava parecia morrer aos poucos.
Mack havia até mesmo perdido toda a sua relação com Deus. Até que um dia, quando estava sozinho em casa, Mack recebe um bilhete. Um bilhete que dizia para que ele voltasse para a cabana onde foi encontrado o vestido de sua filha.
Para Mack, esse era um bilhete vindo de Deus. Para ele, Deus queria lhe enviar algum tipo de mensagem.
E é ao redor desse bilhete que gira a história.
Mack diz para sua mulher passar um final de semana fora e vai escondido para a cabana.
Chegado lá, o que ele encontra simplesmente muda a sua vida. Faz com que ele volte a sorrir, com que ele volte a ter uma relação com Deus.

...

O livro é muito bonito e cheio de lições de amor e perdão. Ele é contado por um amigo de Mack a quem ele mesmo contou a história.
Não da pra falar muita coisa sobre ele sem dar spoilers.
Mas pra quem gosta dessas histórias que falam sobre a relação do homem com Deus vai se deliciar com esse livro.
Esse livro ensina a amar a todos independente das ação da pessoa, ensina a perdoar. E mostra como Deus deseja que os humanos tenham uma relação muito próxima com Ele.

Eu achei a história muito bonita, isso não posso negar, mas não é nem de longe minha temática favorita. História que envolvem Deus, eu ainda prefiro as do Stephen King. Rsrs
Mas com certeza é um livro que nos faz pensar e muito emocionante.

Então recomendo só pra quem gosta mesmo de livros sobre Deus. Porque apesar de ser uma história muito bonita em algumas partes ela ficava extremamente chata pra alguém como eu, por exemplo.
E vocês, o que acharam??
=)




Nenhum comentário:

Postar um comentário